30 agosto 2010

Papa lembra importância de Maria para os católicos

Maria, Mãe de Deus e Mãe da Igreja, também é Mãe de toda a humanidade renovada.
 
Bento XVI destacou a importância do culto a Nossa Senhora, por parte dos católicos, assegurando que Maria tem uma “missão de intercessão e salvação”.

“Do Oriente ao Ocidente, a Santíssima é invocada como Mãe Celeste, que traz o Filho de Deus nos braços e em cuja proteção toda humanidade encontra refúgio”, indicou.

O Papa saudou aos peregrinos de língua portuguesa, na qual afirmou que “Nossa Senhora ao
ser assunta ao Céu fica mais próxima de seus filhos aqui na terra, intercedendo por eles junto a Jesus, e torna-se um sinal luminoso da vida futura que esperamos”.

Bento XVI encontrou-se com um grupo de peregrinos no pátio da residência pontifícia de Castel Gandolfo, nos arredores de Roma, para a recitação da oração do Angelus.

O 15 de Agosto, explicou, assinala-se no calendário litúrgico “a passagem da condição terrena à bem-aventurança celeste daquela que gerou na carne e acolheu na fé o Senhor da Vida”.

“Artistas de todas as épocas pintaram e esculpiram a santidade da Mãe do Senhor, adornando igrejas e santuários. Poetas, escritores e músicos renderam honras à Virgem com hinos e cantos litúrgicos”, disse o Papa.

“A Ela, guia dos apóstolos, sustento dos mártires, luz dos Santos, dirigimos nossa oração, suplicando que nos acompanhe nesta vida terrena, nos auxilie a nos voltarmos para o Céu e nos acolha um dia junto de seu Filho Jesus”, acrescentou.

"No final da sua vida, Maria foi levada em corpo e alma ao céu, ou seja, à glória da vida eterna, na plena e perfeita comunhão com Deus", disse, na sua homilia.

Bento XVI lembrou que este ano de 2010 a Igreja celebra o 60.º aniversário da definição solene do Dogma da Assunção de Nossa Senhora em Corpo e Alma ao Céu (Constituição Apostólica “Munificentissimus Deus”, 1 de Novembro de 1950).

"Nós cremos que Maria, como Cristo seu Filho, venceu a morte e triunfa na glória celeste na totalidade de seu ser, em alma e corpo", referiu.

Em conclusão, o Papa deixou votos de Deus reforce em cada cristão a “fé na vida” e os torne “homens de esperança, que trabalham para construir um mundo aberto a Deus, homens repletos de alegria, que sabem ver a beleza do mundo futuro no meio das dificuldades da vida quotidiana".
__________________________________________
Papa Bento XVI

OBS.: Sabemos muito bem a importância que Maria tem para o Cristianismo. Foi pelo sim dela que Jesus Cristo veio ao mundo. Um cristão que não tem Maria por mãe não é convicto na fé que tem. São Luis de Monfort costumava dizer:´´Deus juntou as águas dos oceanos e chamou de mar, e juntou todas as graças e chamou de Maria``. Esse carinho que temos pela Mãe de Deus não é idolatria coisa nenhuma.

É até uma injustiça não reconhecer o papel importante de Nossa Senhora para que a nossa Salvação que é Jesus Cristo viesse ao mundo. Devemos adorar somente Cristo, e nós católicos fazemos isso, mas Cristo não quer ver ninguém com ingratidão, e devemos agradecer Nossa Senhora por seu sim: ´´Sim Senhor, faça-se criança em mim, pois eis aqui sua serva``,´´Sim Senhor, eu digo sim para que o Senhor entre nesse mundo, para derrubar os poderosos de seus tronos e elevar os humildes``, como Nossa Senhora nos mostra no Magnificat, lá no início do Evangelho de São Lucas.
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Rádio

Grupo de Oração

Grupo de Oração

Postagens antigas

Postagens mais visitadas

Reflexão

Mensagens

Nossa Senhora Fátima

Nossa Senhora Fátima

Parceria

Parceria

Parceria

Postagens populares