13 abril 2012

Aprender a fazer tudo por Cristo e com Cristo

É preciso compreender que, apesar de existirem a fraqueza e a fragilidade humana, devemos nos esforçar para fazer as coisas por Deus. Quando não temos isso nítido em nosso coração, corremos o risco de fazer tudo pensando em outras pessoas.

Pedro foi muito claro ao dizer, após a cura do paralítico, que foi em nome de Deus que aquele homem havia sido curado. O Senhor nos criou para sermos pessoas completamente realizadas, mas para isso precisamos estar conscientes de nossas atitudes.

As pessoas buscam o consolo em Deus, mas não abrem mão do consolo humano. Mas é preciso entender que essas duas realidades não podem coexistir, ou estaremos dando contratestemunho de tudo o que acreditamos.

Quando fazemos as coisas com Cristo, não as fazemos de qualquer forma, mesmo nas nossas atividades diárias mais simples. Tudo concorre para o bem dos que amam a Deus, mas é preciso paciência, pois só assim tornaremos um hábito ter Jesus no centro de tudo.

A nossa cabeça e o nosso coração devem estar em tudo aquilo que nos é prioridade. De nada adianta estar na Santa Missa se a cabeça e o coração estiverem nos problemas que deixamos em casa ou nas pessoas que nos feriram.

Jesus não é uma ideologia, mas sim Alguém que está no meio de nós. Você precisa fazer a experiência do Deus que está no meio de nós, assim como os apóstolos a fizeram após a Ressurreição de Cristo.

Muitas vezes, pedimos esmolas para Deus, mas Ele quer nos dar muito mais. Não podemos nos contentar com as migalhas se Ele tem um banquete preparado para nós.

Deus se entristece quando as almas Lhe pedem pouco, pois o desejo d'Ele é dar muito para Seus filhos, assim como o bom pai que é incapaz de recusar o desejo de um filho querido.

A missão dada pelo Pai foi a de voarmos alto e olharmos longe, pois a nossa recompensa definitiva não é deste mundo, mas sim da eternidade, ao lado de Deus Pai.

É preciso entendermos a linguagem do coração de Deus, pois quando Ele mais tem, mais Ele quer derramar sobre nós. É belíssimo ver, da Eucaristia, Ele presente em Corpo, Sangue, Alma e Divindade.

"Deus não sabe se dar de outra forma a não ser por inteiro", exclama padre Antônio
Deus não sabe se dar de outra forma a não ser por inteiro. Ele quer chegar até você da mesma maneira que foi ao encontro dos apóstolos. Permita que o Senhor alcance seu coração. Santo Inácio de Loyola dizia que devemos usar a imaginação na oração, por isso, se imagine no Cenáculo, junto aos apóstolos, ouvindo as palavras de Jesus.

Deixe Jesus Ressuscitado agora tomar as rédeas da sua vida, libertando-o de todo mal que bloqueia sua vida e a possibilidade de se aproximar d'Ele.

Hoje o Senhor quer consolar o seu coração machucado e ferido pelas agonias que a vida lhe causou. Peça então que Ele aquiete sua alma e silencie o seu coração, pois só aquele que está com seu coração e com sua mente em Deus é capaz de fazer as coisas junto a Ele.
_______________________________________
Padre Antônio Aguiar
Sacerdote divulgador da devoção à Divina Misericórdia
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Rádio

Grupo de Oração

Grupo de Oração

Postagens antigas

Postagens mais visitadas

Reflexão

Mensagens

Nossa Senhora Fátima

Nossa Senhora Fátima

Parceria

Parceria

Parceria

Postagens populares